• João Escapelato

CBF publica diretriz técnica para o futebol

Documento é resultado de meses de trabalho conjunto de todas as diretorias da CBF, com a colaboração de diversos setores da sociedade e do futebol brasileiro

A bola voltará a rolar pelas competições nacionais em agosto. Os times entrarão em campo. O calendário estará repleto de partidas. Mas estamos vivendo um momento de exceção. A sociedade vem enfrentando há meses a pandemia de coronavírus e o futebol está passando por adaptações. Neste cenário, a CBF elaborou a Diretriz Técnica Operacional para Retorno das Competições CBF.


O documento tem 60 páginas e e regulamenta os conceitos estabelecidos pelo Guia Médico de Sugestões Protetivas Para o Retorno às Atividades do Futebol Brasileiro. O objetivo é informar e esclarecer sobre protocolos que devem ser aplicados nas competições organizadas pela CBF, especificamente, os detalhes da operação das partidas. O início e reinício dos campeonatos seguem as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), do Ministério da Saúde do Brasil e das secretarias estaduais e municipais de Saúde. "Esse documento é resultado de meses de trabalho conjunto de todas as diretorias da CBF, com a colaboração de diversos setores da sociedade e do futebol brasileiro. Vivemos um momento atípico, sem precedentes na história moderna. A roda do futebol volta a girar, mas em um contexto inédito. Estamos tomando o máximo de precaução para prezar pela saúde e segurança de todos os envolvidos, dentro e fora do campo", ressaltou o diretor de Competições da CBF, Manoel Flores.


A diretriz foi incluída no Regulamento Específico de cada competição a ser iniciada ou reiniciada sob coordenação da CBF em 2020, permanecendo em vigor, em razão da pandemia da Covid-19, enquanto houver necessidade.


As medidas estabelecidas levam em consideração que a retomada do futebol se dará sem público. Qualquer alteração nesse quadro será, devidamente, comunicada e este documento sofrerá os ajustes.


Todas as partidas serão realizadas com acesso restrito ao campo de jogo e vestiários, limitado aos funcionários essenciais à administração do estádio no dia da partida, atletas das equipes e respectivas comissões técnicas, além da arbitragem, delegados da partida e controle de dopagem. A imprensa não poderá entrar nem ter acesso ao vestiário de ambas equipes em jogo.


Com Confederação Brasileira de Futebol


  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 por LondriMoney