• Matheus Philip

Demanda por máscaras cria negócios em Londrina

A pandemia de coronavírus que afeta comerciantes e empresários de todo o Brasil, também cria oportunidades, como o setor de produção de máscara de uso pessoal

Utilizada como item de prevenção individual contra o coronavírus, as máscaras de proteção respiratória se tornaram obrigatórias para os londrinenses em supermercados, farmácias, no transporte coletivo, em estabelecimentos comerciais e lugares de circulação pública. A medida foi anunciada pelo prefeito de Londrina, Marcelo Belinati (PP), e sancionada em decreto que entrou em vigor na última quarta-feira (15).


A medida fez com que a procura pelas máscaras, que já era grande, aumentasse ainda mais no município. Impulsionados pela crescente procura do item na cidade, alguns londrinenses criaram negócios próprios de produção e comercialização do produto.


Para Maria Aparecida, fabricante e fornecedora de roupas para uma loja do segmento em Londrina, que teve seu negócio afetado pela suspensão das atividades comerciais do município, a produção é uma oportunidade de gerar renda durante a pandemia.


"Não produzíamos máscaras. No dia a dia fabricamos roupas para uma loja de Londrina. Com o comércio fechado, ficamos sem produção. A demanda por máscaras de proteção contra o Covid19 nos ofereceu a oportunidade de trabalhar e gerar um pouco de renda em meio a esta crise", disse Maria Aparecida para nossa redação.

Com a pandemia e a suspensão do comércio local, as oito costureiras que ali trabalham, trocaram momentaneamente a produção de roupas pela fabricação de máscaras.


"Elas fazem de suas próprias residências na fabricação dos itens de proteção individual. Estão envolvidos neste trabalho 8 costureiras que trabalham em suas respectivas casas, além de um cortador de tecido, um digitalizador e um entregador das encomendas de máscaras, que são vendidas pela internet. Estão sendo produzidas 300 máscaras por dia e a procura tem aumentado" completou Maria Aparecida.



As máscaras produzidas, possuem tecido tricoline 100% algodão dupla face e podem ser adquiridos em kits de 10 máscaras pelo valor de R$ 49,00. Os itens possuem estampas lisas nas cores azul claro, azul marinho, rosa, marrom e preta e, ainda, com estampas listradas azul claro e cinza.


Interessados em adquirir os produtos, podem entrar em contato por meio do WhatsApp (43) 99822-1473 ou (43) 99137-5002.


Com uma população de 569 mil habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2019, e uma recomendação do Ministério da Saúde para que toda a população passe a utilizá-las, tendo duas unidades por pessoa, estima-se que até 1 milhão de máscaras sejam comercializadas em Londrina.


Para as costureiras Madalena de Paula e Luzia Nogueira, a pandemia de coronavírus abriu um novo leque de oportunidades, já que nunca tiveram uma demanda tão grande pela produção de máscaras.

Primeiramente nós surgiu uma demanda de uma fábrica grande para que nós apenas costurassemos para essa fábrica. Então, nas horas livres dessa produção, costuravamos máscaras para os familiares. Aí paramos e pensamos, porque não fabricar nossas próprias máscaras, assim, de certa forma ajudariamos na pandemia, e no financeiro.

Os itens produzidos seguem recomendações de produção informadas pelo Ministério da Saúde, tendo 20 centímetros de comprimento. Quando abertas as máscaras chegam a 16 centímetros, encaixando perfeitamente no rosto.

No primeiro momento, os fabricantes nos enviava alguns tecidos, e nos apenas costuravamos. Agora nós compramos tecido 100% algodão para fazer a máscara dupla face, e um outro tecido chamado segunda pele para fazer o elástico da máscara.

Conforme informou ao LondriMoney, a procura pelos itens está sendo alta nos últimos dias, chegando a vender 50 unidades ao dia. Em uma encomenda para uma fábrica da região, as costureiras entregaram 1.800 peças.


A unidade do produto pode ser adquirida pelo valor de R$ 5. Para saber mais informações sobre a compra das máscaras, basta entrar em contato através do número (43) 98421-8590.


Confira abaixo como é feito todo o processo de produção das máscaras:



  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 por LondriMoney