• João Escapelato

Guarda Municipal realiza operação de fiscalização do comércio

A preocupação da prefeitura é que funcionem todas as medidas de segurança, para evitar que a contaminação do coronavírus cresça


Foto: Vivian Honorato


Em operação conjunta realizada pela Secretaria de Fazenda e Guarda Municipal, no segundo dia de reabertura do comércio, após o isolamento social para diminuir a velocidade da propagação do coronavírus, houve fiscalização em pelo menos cem estabelecimentos, entre lojas, bancos, restaurantes e outros prestadores de serviços. As equipes percorreram a pé o Calçadão, a rua Sergipe e a avenida Saul Elkind, principais pontos de concentração de pessoas. O objetivo foi orientar a população e lojistas sobre a importância de todas as medidas profiláticas decretadas pelo prefeito Marcelo Belinati para o combate ao COVID-19.


Quarenta e cinco estabelecimentos apresentaram problemas na organização das filas, que devem observar distanciamento de pelo menos dois metros entre as pessoas. Também foram constatadas algumas faltas na obrigatoriedade do uso de máscaras por clientes e colaboradores e um número considerável da ausência de álcool gel logo na entrada das lojas.  A prefeitura comunica que mais ações como a de hoje serão realizadas durante toda a semana e pede a cooperação de todos.


A Guarda Municipal está ampliando o efetivo de agentes na região central e na zona norte da cidade por conta da fiscalização.  Nesta quarta-feira,  26 agentes somaram-se às equipes que já percorrem os pontos passíveis de aglomeração entre às 10 horas da manhã e às 16 horas, horário de funcionamento do comércio. As viaturas da Guarda Municipal reproduzem áudio informativo, solicitando que se evitem aglomerações e repetem a norma da obrigatoriedade do uso de máscaras nas ruas, estabelecimentos públicos e comerciais.


O secretário de Defesa Social, Pedro Ramos, avaliou positivamente o segundo dia da reabertura do comércio. “Apesar de muita fila e muitas correções feitas, a avaliação é positiva em relação à segunda-feira. Já tivemos menos problemas. Hoje a maior dificuldade é conscientizar a população sobre respeitar a distância entre as pessoas, o uso de máscaras e pedir que não venham desnecessariamente para o centro e para os espaços públicos. No mais, a gente vai manter o serviço amanhã e redobrar a atenção no comportamento das pessoas”, informou Ramos.


Com N.Com

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 por LondriMoney