• João Escapelato

Oitavas da Copa do Brasil reservam equilíbrio e emoção ao torcedor

CBF definiu hoje, por sorteio, duelos entre clubes

Os oito confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil estão definidos. Quem conseguir avançar de fase vai embolsar R$ 3,3 milhões. O cardápio de confrontos promete emoções para todos os gostos. Há disputas entre times da série A e B, o clássico gaúcho entre Grêmio e Juventude, o encontro do técnico do Rogério Ceni contra o São Paulo, embate de rubro-negros e o Palmeiras de Luxemburgo contra o Bragantino que o projetou. A CBF realizou, nesta quinta-feira (1), o sorteio das partidas e dos mandos de campo. Os duelos serão realizados entre os dias 28 de outubro e 4 de novembro.


Segundo o comentarista da Rádio Nacional Mario Silva, a partida entre Flamengo e Athletico-PR é a mais equilibrada: “São duas equipes fortes da Série A e que estão na Libertadores da América. Ano passado, elas se enfrentaram e o Furacão levou a melhor e venceu a competição”. Em 2013, os rubro-negros decidiram o torneio e os cariocas conquistaram o título. “No futebol, tudo pode acontecer, porém, teoricamente, quem está na série principal é favorito a se classificar”, afirma Mário Silva.


O atual campeão do Nordeste, Ceará, representante da região ao lado do arquirrival Fortaleza, vai ter o Santos de Cuca pela frente. Do Centro-Oeste, o Atlético-GO vai precisar superar o colorado, do artilheiro Thiago Galhardo e do argentino Eduardo Coudet.


Esta fase também vai colocar três equipes da Série B contra times elite do futebol brasileiro.


O atual líder da Série B, Cuiabá, encara o combalido Botafogo, que acaba de demitir Paulo Autuori e que está no Z-4 da Série A. Tem ainda o clássico do sul entre o pentacampeão Grêmio e o Juventude, campeão em 1999. Corinthians e América-MG fazem briga café com leite entre paulistas e mineiros.


Com Agência Brasil


  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 por LondriMoney