• Matheus Philip

Prefeitura de Londrina inicia Operação Noite Fria

Serviço é conduzido pela Assistência Social, com ampliação das vagas para acolhimento, avaliação de saúde e triagem psicossocial

Foto: Secretaria de Assistência Social

Cerca de um mês antes do início oficial do inverno, que será em 20 de junho, a Prefeitura de Londrina lançou a Operação Noite Fria, voltada à população em situação de rua. A operação consiste em ampliação do trabalho de assistência às pessoas que se encontram em situação de rua, especialmente neste período do ano em que as temperaturas são mais baixas. Na madrugada desta segunda-feira (25), Londrina registrou temperaturas abaixo de 10º Celsius.


Na edição deste ano da Operação Noite Fria, foram ampliadas em 150 novas vagas de acolhimentos para adultos em situação de rua. Além das buscas feitas pelas equipes da Secretaria Municipal de Assistência Social, a população pode acionar o serviço pelo telefone (43) 99991-4568, que inclusive aceita chamadas a cobrar. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h à meia-noite. Aos sábados, das 9h às 20h e, nos domingos e feriados, das 9 às 15 horas.


A secretária municipal de Assistência Social, Jacqueline Marçal Micali, frisou que o serviço está mais amplo do que os anos anteriores. “Isso tanto pelo número de vagas como na forma do serviço. A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Consultório na Rua, está trabalhando em conjunto conosco e realizando avaliações médicas, de forma a preservarmos os acolhidos”, citou.


Os profissionais de medicina e enfermagem, que integram o Consultório na Rua, utilizam uma ferramenta de triagem (fast track) instituída pelo Ministério da Saúde, para checar a saúde dos pacientes. A avaliação contempla os sinais vitais, que são temperatura, pressão arterial e oximetria, acompanhada de um exame físico, verificando se o paciente se queixa de sintomas respiratórios. Se estiver saudável, ele é encaminhado às entidades de acolhimento conveniadas pela Assistência Social e, caso contrário, aos serviços de saúde.


Além de avaliação da saúde física, a Operação Noite Fria promove uma triagem psicossocial, seguida de encaminhamento para acolhimento permanente, onde foram disponibilizadas 40 vagas. Houve também a criação do serviço de pernoite para mulheres, onde são fornecidos banho, alimentação e, principalmente, acompanhamento psicossocial para encaminhamentos e superação da condição de rua.


Matéria: N.Com

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 por LondriMoney