• João Escapelato

Profissionais selecionados passam por capacitação para Cadastro Único

Atividades teóricas e práticas serão realizadas com o objetivo de qualificar os servidores para que atendam a população de forma eficiente

A Secretaria Municipal de Assistência Social iniciou nesta terça-feira uma formação de trabalhadores do Sistema Unificado de Assistência Social para atendimento do Cadastro Único. Dentre os 22 servidores que estão participando da capacitação, 15 foram contratados através do Teste Seletivo n° 105/2020 para atuarem como entrevistadores do Cadastro Único e sete fazem parte de outras unidades da Secretaria de Assistência Social. O curso, que será realizado até o dia 17 de setembro, conta com atividades diárias, que vão das 8 às 17h.


A gerente de Transferência de Renda, Rosemeiri Barros, explicou que o objetivo da iniciativa é qualificar os servidores para que ofereçam um atendimento humanizado e eficiente à população que necessita do acesso ao CadÚnico. “O curso é dividido em uma etapa teórica e uma fase prática. Na etapa teórica, os participantes aprendem sobre a política de assistência social do Município de Londrina. O objetivo é que eles compreendam o perfil da população que atendem, como as políticas públicas estão estruturadas e de que forma os serviços de assistência social estão organizados. Já durante a fase prática, que acontece a partir do dia 16, os servidores terão contato direto com o Cadastro Único. Primeiro, eles observarão os atendimentos realizados pela Secretaria e, no último dia da capacitação, atenderão à população de forma supervisionada.”


As atividades, que estão sendo ministradas por servidores da própria Secretaria de Assistência Social e de outros órgãos como a Secretaria de Recursos Humanos e a Corregedoria-Geral do Munícipio,  são realizadas na unidade da Guarda Mirim que fica no Centro Social Urbano. “Estamos tomando todas as precauções necessárias para proteger a saúde dos docentes e participantes. O curso acontece em um auditório de dimensões adequadas, onde as pessoas mantêm a distância entre si, usam máscaras e têm acesso a álcool gel”, frisou Rosemeiri.


No dia 18, após o término da capacitação, os entrevistadores contratados através do Teste Seletivo n 105/2020° iniciam o exercício de suas atividades. O contrato destes agentes tem a duração de 90 dias, e pode ser prorrogado se houver necessidade.


O Cadastro Único é a porta de entrada para diversas políticas públicas municipais, estaduais e federais, incluindo: Bolsa Família, Auxílio Emergencial, Passe Livre Estudantil, Tarifa Social da energia elétrica, Programa Leite das Crianças, Carteira Nacional do Idoso e Programa Minha Casa, Minha Vida. Assim, a Secretaria de Assistência Social visa formar servidores que estejam atentos às necessidades da população.


“Esperamos que os entrevistadores tenham conhecimento sobre temas como políticas públicas e direitos humanos; estejam dispostos a ouvir, acolher e respeitar os cidadãos; e que garantam ao público, além da acolhida, o acesso a informações relevantes e corretas. Esses trabalhadores representam o Poder Público perante o cidadão. Eles têm uma função muito importante, que é a de promover e ampliar os direitos da população”, ressaltou Rosemeiri, a gerente.


Com N.Com


  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 por LondriMoney